10/12/2016

Brasil ganha evento em Londres para mostrar potencial de investimento em green bonds

fonte: rede SBS dia a dia Um evento realizado em Londres, em 08/12, mostrou o potencial de investimentos verdes no Brasil a investidores europeus, focado na criação e comercialização dos títulos verdes, os green bonds. A percepção de participantes é que, dada a meta ambiciosa incorporada pelo Brasil na CoP 21, a fonte de matérias-primas que possui e companhias que atuam em vários setores, o País tem tudo para se tornar líder desse mercado, que ainda engatinha entre as economias emergentes. A intenção do Investor Roadshow for Brazil's New Economy foi ser uma mostra de potenciais investimentos em títulos verdes para a mudança econômica brasileira. O evento, que começou pela manhã e se estendeu até à tarde, contou com a participação de ONGs, representantes do governo e de empresas, além do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). "Por que o Brasil? Como assim por que o Brasil? Trata-se do maior país do mundo a realmente mostrar empenho em relação às discussões climáticas", disse ao Broadcast Sean Kidney, diretor-executivo do Climate Bonds Initiative (CBI), organizador do evento na capital britânica. A CBI é uma ONG que tenta disseminar o mercado de green bonds pelo mundo, em especial, entre os países emergentes. Basicamente, os green bonds são títulos de renda fixa para investimento em projetos ou empresas ambientalmente sustentáveis. Para as empresas, trata-se de uma nova forma de captar recursos. Os projetos fomentados pela CBI podem englobar infraestrutura, energia renovável, transporte de carbono, energia solar e eólica, entre outros, desde que sejam sustentáveis e promovam melhora das condições climáticas. Para acessar a íntegra dessa matéria clique aqui. Fonte: transcrição parcial de matéria publicada hoje, 09/12, no portal FSC Brasil (https://br.fsc.org/pt-br).